Conheça o Itapetininga Kings, time de Flag Football formado em orfanato

Esporte semelhante ao futebol americano, o Flag Football tem mudada a vida de crianças em um orfanato no município de Itapetininga (SP)

No Brasil, o esporte mais famoso e acompanhado é o futebol, desde pequenos temos a cultura futebolística muito próxima. No entanto, nem todo caso é assim, em um orfanato no município de Itapetininga (SP) a paixão das crianças é pela bola oval. Quem iniciou, em 2017, os trabalhos de futebol americano no abrigo foi o monitor, Eric Gonçalves.

CONHEÇA O CANAL DO CATRAIA DIGITAL NO TWITTER. CLIQUE E SIGA!

“No começo era uma atividade recreativa apenas. Eu comprei umas bolas e era mais uma brincadeira de corrida ou de passe, utilizada apenas pra passar tempo com as crianças. Ficamos assim muito tempo, brincando e sem regras especificas do FA. Eu só conhecia o fullpad então estava travado na ideia de capacete e equipamentos etc, então nem eu mesmo via um “norte” pra atividade.”, comentou Eric sobre o início das atividades.

Com poucos equipamentos para praticar o esporte o monitor resolveu utilizar uma modalidade derivada do futebol americano, o Flag Football. Nessa modalidade, não existem tantas pancadas (tackles), já que para interromper a jogada, basta capturar um pano preso na cintura do jogador.

Itapetininga Kings (Foto: Acervo Pessoal / Eric Gonçalves)

“Então descobri o Flag Football, e um dia peguei um par de meias velhas e fiz uma tentativa de jogo de flag Football com as crianças. Elas entenderam o conceito do jogo e umas poucas regras que ensinei sobre, e ali sim nasceu realmente “um time”.”, contou o monitor.

A equipe foi batizada com o nome Itapetininga Kings e Eric conta que as crianças logo amaram o esporte. “Elas se apaixonaram de cara, queriam jogar todo dia. O fa (Futebol Americano) é muito envolvente, as crianças gostam de correr, e quanto mais aprendiam mais queriam jogar.”

Como em quase todo projeto, as dificuldades financeiras começaram a aparecer e ficava difícil manter a equipe.  “A principal dificuldade é a clássica do Brasil, dinheiro. As crianças jogaram muito tempo descalças, de chinelo, sandália etc. Então eu fui comprando chuteiras e meias pra elas do meu bolso mesmo, tive a necessidade de comprar mais bolas. Sempre tem uma coisa que precisa ser substituída ou comprada. Hoje estou desempregado então vai ser um desafio maior ainda manter o time em 2021 até eu conseguir um novo emprego.”.

A equipe acabou crescendo, e já conta com uma equipe feminina adulta de Flag Football, e duas participantes faziam parte do abrigo. Maria Eduarda fazia parte do abrigo de acolhimento e hoje integra a equipe adulta. “Eu me divertia muito com as crianças, e me fazia esquecer os problemas que aconteceram comigo.”, disse Maria.

SIGA O CATRAIA DIGITAL NO INSTAGRAM!

Equipe feminina adulta de Flag Football (Foto: Acervo Pessoal / Eric Gonçalves)

Atualmente a equipe recebeu duas grandes contribuições para continuar o projeto. O time de futebol americano brasileiro, Corinthians Steamrollers, doou equipamentos de futebol americano para as crianças. Já a NFL Brasil entregou uma Jersey e uma bola de futebol americano, autografadas pelo Quarterback do Seattle Seahawks, Russell Wilson. Ambas as peças foram prêmios de uma rifa realizada pelo Itapetininga Kings.

Facebook Comments Box

Luan Coutinho

Acadêmico de jornalismo e repórter no site Catraia Digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.