Círio de Nazaré em Macapá terá programação descentralizada para evitar aglomeração

A procissão será substituída por missa campal no estádio Zerão e cinco carreatas com imagens da Virgem de Nazaré estão previstas para percorrer pela cidade

Nesta quarta-feira, 5, o coordenador do Círio de Nazaré padre Rafael Donneschi e o bispo de Macapá Dom Pedro José Conti comunicaram por meio de vídeo a proposta da Diocese de Macapá e da Comissão Organizadora para a programação do Círio de Nazaré 2020.

CONHEÇA O CANAL DO CATRAIA DIGITAL NO TWITTER. CLIQUE E SIGA!

Em virtude da pandemia do novo coronavírus, a procissão que aconteceria no 2º domingo de outubro está cancelada e este ano será substituída por uma missa campal, a qual ocorrerá no estádio Milton de Souza Corrêa (Zerão). Ao término da celebração, serão realizadas cinco carreatas que percorrerão a cidade com a imagem da Virgem de Nazaré.

Seguindo as devidas medidas de prevenção ao combate da covid-19, o objetivo da proposta é possibilitar aos fiéis acompanharem a festividade em casa, pelas ruas ou em comunidades paroquiais.

“Não terá procissão. Isso já anunciamos antecipadamente porque seria uma grande aglomeração com um risco incomparável, por isso temos que diminuir estas possibilidades o mínimo possível”, afirma o bispo Dom Pedro.

Programação do Círio de Nazaré 2020

Na Catedral de São José terá a missa da troca do manto no dia 10 de outubro, sábado, às 19h. Em seguida, haverá a transladação em carreata da imagem da Virgem de Nazaré com destino ao estádio Zerão. Logo após a chegada da imagem, será feita uma Vigília de Oração com os movimentos eclesiais e novas comunidades da Diocese.

No dia 11 de outubro, domingo, às 8h, haverá a missa campal no estádio Zerão, com quantidade controlada de participantes distribuídos por paróquia e vicariatos. “Estamos aguardando a definição do número daquelas pessoas que poderão entrar no estádio e sentar nos lugares que serão permitidos”, expôs Dom Pedro.

De acordo com o bispo, terá também a possibilidade de os fiéis assistirem à programação em seus carros dentro do Zerão e os demais poderão acompanhar pelas redes sociais ou pela rádio São José.

Novidade deste ano: as carreatas

Após a missa campal, a comissão planeja fazer cinco carreatas que irão circular pelas ruas, bairros e comunidades de Macapá com a imagem da Virgem de Nazaré. “Pensamos nos quatro vicariatos. Por isso vamos entregar quatro imagens de Nossa Senhora de Nazaré para que sejam levadas, cada uma, no seu vicariato”, disse Dom Pedro.

Além das quatro carreatas, está prevista também uma outra com a Berlinda levando a imagem principal da santa, a qual fará um trajeto até a Catedral de São José. Os percursos serão anunciados em breve. Assim sendo, os fiéis poderão presenciar a carreata que estiver mais próxima.

SIGA O CATRAIA DIGITAL NO INSTAGRAM!

Festividade descentralizada

Por conta da covid-19, houve a necessidade de descentralizar o Círio deste ano a fim de evitar mais contágios da doença. Os períodos de peregrinação, carreatas, novenas e outros momentos devocionais serão sediados pelas paróquias de Macapá.

Além disso, as romarias fluvial e dos motociclistas, até então, possuem permissão para serem realizadas.

Facebook Comments
Letícia da Paz

Letícia da Paz

Acadêmica de jornalismo na Universidade Federal do Amapá e colaboradora no site Catraia Digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.